Você pode até pensar que não, mas a maneira como você faz a gestão da sua clínica veterinária faz total diferença no sucesso do negócio.

Mas afinal, o que é uma…

3 metodologias de gestão para sua clínica veterinária

Publicado em 24/06/2020 | Atualizado em 23/06/2020


Você pode até pensar que não, mas a maneira como você faz a gestão da sua clínica veterinária faz total diferença no sucesso do negócio.

Mas afinal, o que é uma boa gestão para clínicas veterinárias? Não há uma única resposta para esta pergunta. Na verdade, existem algumas metodologias de gestão que podem ser aplicadas em sua clínica veterinária para aumentar os resultados e melhorar o desempenho nos negócios.

De modo geral, essas metodologias são compostas por elementos e técnicas que ajudam em várias etapas da gestão de uma clínica veterinária, como:

  • planejamento;
  • execução de projetos;
  • tomada de decisões;
  • controle de ações;
  • comunicação;
  • etc.

A seguir, listamos as três melhores metodologias de gestão que você pode aplicar em sua clínica veterinária. Aproveite o conteúdo para alcançar bons resultados em seu negócio!

1. Ciclo PDCA

A primeira metodologia de gestão para clínicas veterinárias que vamos tratar neste artigo é o Ciclo PDCA – Planejar, Fazer, Verificar, Agir. Este é um dos métodos mais utilizados para o desenvolvimento eficiente dos negócios, já que valoriza a cultura de melhoria contínua na empresa.

Utilizar o Ciclo PDCA pode ser muito vantajoso para sua clínica veterinária. Afinal de contas, a metodologia permite que você acompanhe em tempo real a situação do negócio, identifique falhas na rotina e faça reajustes para otimizar o trabalho veterinário.

Quer saber como funciona na prática? Deixa que a gente explica!

A metodologia é formada por quatro etapas e, por se tratar de um ciclo, é importante saber que todas as fases se repetem. E é justamente essa repetição que vai garantir uma excelência no funcionamento da sua clínica veterinária.

A primeira delas é o PLANEJAMENTO. Esta etapa consiste em levantar e analisar informações sobre a empresa para definir objetivos e metas. Então, comece analisando quais são os principais gargalos que estão atrapalhando o funcionamento da sua clínica veterinária.

Identificou os problemas? Agora é o momento de analisar as razões pelas quais eles existem. A partir de então, é possível elaborar um plano de ação com estratégias e metas bem claras para resolver a situação.

O próximo passo é a EXECUÇÃO, ou seja, é a hora de colocar o plano em prática! Durante esta fase, é fundamental que o gestor informe toda a equipe envolvida sobre os planos, prazos e as tarefas que deverão ser cumpridas.

Powered by Rock Convert

Em seguida, é hora de VERIFICAR os dados obtidos durante a execução. Este processo é essencial para identificar as falhas, as dificuldades enfrentadas pela equipe ou até mesmo para gerar alguns insights para otimizar os resultados.

Durante a AÇÃO, a última etapa do ciclo, serão tomadas todas as medidas possíveis para corrigir eventuais falhas durante o processo e impedir que elas ocorram novamente. Depois de solucionar os problemas, o processo deve começar novamente para garantir o aprimoramento constante da sua clínica veterinária.

2. BSC

Outra metodologia de gestão que pode ajudar sua clínica veterinária é a BSC (Balanced Scorecard). Basicamente, o método consiste em técnicas para medir e avaliar o desempenho de uma empresa.

Segundo o BSC, uma organização deve ser examinada de quatro perspectivas diferentes para conseguir determinar os objetivos e métricas de desempenho.

Assim, a gestão de uma clínica veterinária pode ser dividida em quatro partes essenciais. São elas:

  • Financeiro (ou administração): considera todos os aspectos financeiros do negócio;
  • Processo interno: considera os serviços e produtos oferecidos pela clínica veterinária para avaliar o seu desempenho;
  • Cliente: identifica o nível de satisfação dos clientes da sua clínica veterinária;
  • Capacidade ou crescimento organizacional: corresponde tanto à competência e motivação dos colaboradores quanto aos recursos que a empresa oferece para o trabalho, como tecnologia e infraestrutura.

3. GDP

Por fim, outra metodologia de gestão para sua clínica veterinária é o GDP (Gerenciamento pelas Diretrizes), um dos fundamentos da gestão da qualidade total.

O principal objetivo do GDP é desenvolver o planejamento de maneira prática. Para isso, é necessário ter uma visão estratégica e, principalmente, direcionar todos os esforços da empresa para o mesmo objetivo.

Para aplicar o Gerenciamento pelas Diretrizes em sua clínica veterinária, você precisa elaborar um quadro de metas e compartilhar com todos os setores (atendimento veterinário, administrativo etc). Além disso, é necessário ter um plano de ação com as atividades que deverão ser executadas para atingir as metas.

Durante o processo, também é importante que você esteja preparado para fazer mudanças e as adequações necessárias para otimizar os resultados.


Ciclo PDCA, BSC e GDP: essas são as principais metodologias de gestão que você pode aplicar em sua clínica veterinária. Vale deixar claro que cada empresa tem suas particularidades. Logo, não existe um método certo ou errado, e sim o que funciona melhor para o seu negócio. Além disso, duas ou mais técnicas podem ser aplicadas em conjunto para otimizar ainda mais os resultados.

Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão sobre as metodologias de gestão para sua clínica veterinária? Então compartilhe nos comentários abaixo!



Deixe seu comentário

Grupo Ambplan - Todos direitos reservados - 2020