Quer diversificar os serviços da sua clínica veterinária? Uma das maneiras é criando um plano de saúde pet. Semelhante a um plano de saúde humano, esse tipo de serviço é…

Plano de Saúde Pet: o que é e como implantar em uma clínica veterinária

Publicado em 04/02/2020 | Atualizado em 06/02/2020


Quer diversificar os serviços da sua clínica veterinária? Uma das maneiras é criando um plano de saúde pet. Semelhante a um plano de saúde humano, esse tipo de serviço é uma das tendências atuais no mercado pet.

Não é difícil entender os motivos. Afinal, os bichinhos de estimação fazem parte da família e, cada vez mais, recebem atenção e cuidados especiais dos tutores. Nesse sentido, os planos de saúde animal são uma ótima maneira de promover o bem-estar dos bichinhos.

Com isso, todos têm a ganhar: o animal que recebe o tratamento veterinário, tutores que economizam e as clínicas veterinárias que fidelizam os clientes. Mas, antes de implantar um plano de saúde pet em sua clínica veterinária, é preciso conhecer melhor como funciona esse tipo de serviço.

Como funciona um plano de saúde pet?

Um plano de saúde pet funciona praticamente da mesma maneira que o plano de saúde de uma pessoa. O dono do animal paga uma mensalidade e, se o bichinho ficar doente ou se machucar, ele terá direito a alguns cuidados veterinários.

Assim como qualquer outro seguro, existem diferentes planos que se adaptam às necessidades e bolsos dos clientes. Geralmente, um plano de saúde pet básico custa a partir de R$50,00 mensais e o animal tem direito a serviços como:

  • consultas clínicas
  • exames laboratoriais
  • vacinas
  • atendimento de urgência e emergência

Além disso, existem os planos mais completos que oferecem outros tratamentos, como cirurgias, exames por imagem e até terapias alternativas.

Quais as vantagens para a sua clínica veterinária?

Oferecer o atendimento veterinário a partir do plano de saúde pet pode proporcionar algumas vantagens para o seu negócio.

A diferenciação no mercado é uma delas. Pare para refletir um pouco: acidentes e problemas de saúde com os animais de estimação podem acontecer a qualquer momento. Mas, com tantas clínicas veterinárias por aí, por que o cliente escolheria o seu estabelecimento? Você pode listar várias razões, como qualidade no atendimento, especialização, etc.

A cobertura do plano de saúde também pode ser uma delas. O fato de pagar uma mensalidade relativamente baixa, fideliza o cliente. Logo, em uma consulta de rotina ou quando acontecer alguma emergência, ele saberá a quem procurar.

Além disso, oferecer um plano de saúde pode contribuir para sua clínica veterinária ter uma maior previsibilidade no faturamento.

Powered by Rock Convert

Como criar um plano de saúde pet para sua clínica?

Ficou interessado em implantar o serviço de plano de saúde pet em sua clínica veterinária? Então agora é preciso descobrir como fazer isso.

Primeiramente, você deve considerar quais são os serviços veterinários oferecidos atualmente no estabelecimento. A partir de então, é possível analisar quais os tipos de planos poderá oferecer, os benefícios e preços de cada um.

Importante: durante o planejamento, considere também a estrutura física e equipamentos necessários para todos os atendimentos que pretende oferecer. Se a sua clínica já possui tudo o que for necessário, ótimo! Se não, você precisará investir nesses itens ou não incluir os serviços no plano. Outra possibilidade é fazer parcerias com outras clínicas e hospitais veterinários para ampliar a cobertura do plano.

Mesmo com as vantagens evidentes, os clientes podem se sentir inseguros para contratar um plano de saúde pet, principalmente por medo de criar um vínculo maior com uma única clínica. Portanto, vale a pena incluir alguns atrativos para conquistar esses consumidores.

Serviços como banho e tosa, descontos em medicamentos e aplicação de vacinas são algumas sugestões de serviços que você pode incorporar no plano de saúde. Só tenha cuidado para não ficar no prejuízo! Avalie os gastos e as vantagens antes de incluir mais itens no pacote.

Como fazer parte dos grandes planos de saúde animal?

Achou complicado criar seu próprio plano de saúde pet? Sem problemas! Outra alternativa é aderir aos planos já existentes. Existem várias empresas que disponibilizam o serviço e possuem clínicas conveniadas em todo o país.

Uma vantagem é que você não precisa ter muito trabalho para captar os clientes. Além disso, é possível oferecer apenas os atendimentos que você já possui, ou seja, não precisa investir em novos equipamentos ou profissionais.


Gostou de conhecer sobre o plano de saúde pet? Conte para a gente nos comentários se você pretende implementar esse tipo de serviço em sua clínica veterinária!

Quer receber mais dicas e informações sobre o mercado veterinário? Inscreva-se na nossa Newsletter e fique por dentro!

 



Deixe seu comentário

Política de Cookies | Política de Privacidade | Termos de Uso

Grupo Ambplan - Todos direitos reservados - 2020